ecosocialismo e modelo de acumulação

Incentivamos a análise crítica e a reflexão sobre o modelo extrativo de mineração-energia e sobre o agronegócio como organizador do sistema agro-alimentar. Procuramos gerar ferramentas para enfrentar a desapropriação territorial e meios de subsistência, concentração corporativa e primarização econômica dependente.

Nós tecemos redes entre atores territoriais, sindicais e acadêmicos para promover ações em prol da soberania energética, para enfrentar o extrativismo energético (baseado em minerais, hidrocarbonetos ou commodities agrícolas) focado nos atores transnacionais e seus impactos socioeconômicos, nos níveis local e global.

 

Apoiamos a defesa da soberania alimentar como horizonte político, com ênfase na salvaguarda de sementes e no patrimônio genético, na construção de alternativas produtivas e tecnológicas que promovam a massificação da agroecologia e o fortalecimento da organização e da agência do campesinato e dos trabalhadores rurais.

  • La lógica de la “economía verde” se perfila como continuista de la mercantilización de la Naturaleza, es decir de su colonización y dominación....

  • La recorrida junto a la Unión de Trabajadorxs de la Tierra (UTT) y su almacén, muestran las experiencias agroecológicas como caminos hacia un futuro más justo....

 
 
, forms: { on: function(evt, cb) { window.mc4wp.listeners.push( { event : evt, callback: cb } ); } } } })();