Como Cuba leu "O homem que amava os cachorros"

Vídeo do bate-papo do escritor cubano Leonardo Padura com a filósofa Isabel Loureiro, no Salão do Livro Político

[embedyt]https://www.youtube.com/watch?v=_-SxP-KuMgQ[/embedyt]
No dia 26 de setembro de 2015, no Salão do Livro Político, em São Paulo, o escritor cubano Leonardo Padura conversou sobre sua obra, em particular sobre a recepção dos seus romances em Cuba, com a filósofa Isabel Loureiro. Os assuntos do debate foram o livro «O homem que amava os cachorros» e seu novo livro, «Hereges». O debate foi organizado pela Editora Boitempo, que publica no Brasil as obras de Padura, e teve apoio da Fundação Rosa Luxemburgo.
O vídeo foi feito pela Fundação Perseu Abramo.

Compartir

Articulos relacionados

Democracia

LAS CLOACAS DEL ESTADO DE DERECHO

Apuntes sobre continuidades y prórrogas de distintos subsistemas de vigilancia y castigo cuyas cañerías normativas conectan con la dictadura cívico militar (1973-1984)